Música

 

Em seus trinta anos de carreira, Rogério Baraquet já participou de vários grupos e projetos musicais, além de ter produzido trabalhos de músicos independentes. Entre as bandas e projetos que participou destacam-se o já citado Ecossistema (84/87) e ainda:  Arte Cínica (pioneira do reggae no litoral paulista - 89/94), Ex-Machina (com a qual gravou o CD "O Mundo Gira e o Ex-Machina" - 94/96), Casa Rasta (95), Dub Killa (provavelmente o primeiro projeto de dub do Brasil - 96/2002) e Cara Pálida (96/2008). Em 2010 gravou o DVD "Simplesmente Satsang" com Marco Schultz.

 

Atualmente se prepara para gravar seu primeiro trabalho-solo, enquanto segue liderando as bandas Sidarta e The Classics.

Musicoterapia

Desde 2007 Rogério tem desenvolvido, junto a um grupo de profissionais de musicoterapia, a Psico Sonoridade. Esse trabalho consiste na junção de técnicas de psicologia, musicoterapia e psicomotricidade. O objetivo é fazer com que a pessoa vivencie os três principais elementos da música - ritmo, melodia e harmonia - encontrando em si mesma potenciais de criatividade, equilíbrio, harmonia interior e auto estima.

 

Alguns dos locais onde esse trabalho já foi realizado: Universidade Santa Cecília (Santos-SP), Humaniversidade (São Paulo  - SP), Manaloa (Santos - SP), Centro Montanha Encantada (Garopaba - SC), 6° Batalhão da Polícia Militar (Santos-SP), entre outros.

Mantras

Desde os cantos gregorianos até os pontos de candomblé toda religião, toda crença tem sua forma de aproximar a oração da melodia. Uma das formas mais tradicionais de se orar cantando é o mantra indiano, que tem sua origem nos Vedas, consideradas as escrituras sagradas mais antigas conhecidas.

 

Rogério tem se dedicado ao estudo de mantras e cantos sagrados diversos desde 2006 desenvolvendo, além de trabalhos musicais nessa área, um workshop a respeito. Também conduz e participa de kirtans em vários lugares do Brasil.